Portugal Euro2016 - Parte 3
3

dos OITAVOS às MEIAS-FINAIS


O jogo com a Croácia foi disputado a 26 de Junho no estádio Stade Félix-Bollaert, em Lens. Fernando Santos introduziu 4 alterações na equipa titular, estreando Adrien Silva, José Fonte e Cédric Soares na fase final. Ambas as equipas evitaram arriscar, o que fez com que o jogo se mantivesse 0-0 no fim dos 90 minutos. Aos 118', e quando todos esperavam uma decisão por grandes penalidades, Renato Sanches lançou uma jogada de ataque que culminou com Ricardo Quaresma a fazer o golo da vitória para desespero da equipa croata, que segundos antes enviara uma bola ao poste.
Golo de Quaresma • Portugal 1 - 0 Croácia (26/06/2016)


Nos quartos de final, Portugal defrontou a Polónia no Stade Vélodrome, em Marselha. Os polacos começaram o jogo praticamente a ganhar, com Robert Lewandowski a abrir o marcador aos 2 minutos. Portugal procurou restabelecer a igualdade, que chegou aos 33 minutos com um grande golo de Renato Sanches, o jogador mais jovem de sempre a marcar um golo na fase a eliminar de um europeu. O empate durou até ao fim dos 90 minutos, levando de novo o jogo para o prolongamento, durante o qual o resultado não se alterou. O jogo acabou por ser decidido nas grandes penalidades. Rui Patrício defendeu o remate de Jakub Błaszczykowski e Ricardo Quaresma apontou logo a seguir o golo da vitória, levando a equipa portuguesa à sua quinta meia final em sete participações em campeonatos europeus.
Portugal 5 - 3 Polónia (30/06/2016)


A Europa aguarda um grande duelo de titãs nas Meias-Finais
Mais uma vez nas meias finais, Portugal tinha agora a missão de eliminar a equipa do País de Gales, equipa estreante em europeus que constituiu a sensação da competição ao vencer o seu grupo e ao eliminar a Bélgica nos quartos de final. O jogo, disputado no Parc Olympique Lyonnais, viu uma primeira parte muito táctica com as duas equipas a não quererem arriscar. Apesar disso, os portugueses tentaram incomodar os galeses, que assumiram uma postura mais defensiva mas por vezes perigosa devido às diversas arrancadas de Gareth Bale, a maior estrela da equipa. Portugal parecia não encontrar soluções para romper a táctica dos galeses, terminando a primeira parte a 0-0, mas Cristiano Ronaldo não se conformou, marcando na sequência de um canto aos 50 minutos e fazendo a assistência para o golo de Nani 3 minutos depois. Apesar da maior pressão, os galeses não conseguiram virar o resultado, que se fixou em 2-0 para os portugueses.
Portugal 2 - 0 País de Gales (06/07/2016)

Depois da vitória frente ao País de Gales só nos restava mesmo a grande final. Repetiamos assim o feito de 2004, será que era desta que iríamos conseguir? O sentimento geral era de que sim, apesar de haver muitos que duvidassem. A alegria lusa manifestou-se um pouco por todo o mundo.
A festa lusa em Lisboa e Lyon (06/07/2016)


[FONTES]: 'Campeonato Europeu de Futebol de 2016' na wikipédia - 'Seleção Portuguesa de Futebol' na wikipedia - • | Imagens: Nani © José Goulão - Rui Patrício © Hotnews.roCristiano Ronaldo © sportskeeda.comParc Olympique Lyonnais © linternaute.comRicardo Quaresma © zimbio.comRenato Sanches © Chensiyuan - Nani © Getty ImagesCristiano Ronaldo © EPA

3

Sem comentários:

Enviar um comentário